Promoção Grátis

sábado, 31 de outubro de 2009

Não deixe sua filha ADOLESCENTE ir sozinha a escola.

Estudantes participavam de orgias sexuais em troca de drogas na Serra
Cinco adolescentes de 15 anos foram encontradas dentro de uma casa localizada no bairro Laranjeiras, na Serra, onde funcionava uma boca de fumo, na tarde desta terça-feira (27). Pelos cômodos, a polícia encontrou muitas drogas, bebidas alcoólicas, munição e também livros e cadernos.

As alunas de uma escola estadual de ensino médio saíram de casa de uniforme, mas, ao invés de assistir às aulas, foram atraídas por um traficante. "Essas adolescentes participavam de orgias sexuais, além de ajudar o traficante a embalar e usavam drogas também", destacou o delegado Ícaro Ruginski, da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (Deten).

Quando a polícia chegou, o grupo consumia e ajudava a embalar drogas. Em troca do serviço, a liberdade para o uso de maconha e crack. O local também era ponto de tráfico de drogas e estava sob o comando de Romeu de Abreu Borsonelli, de 18 anos, que já foi processado pelo mesmo crime. "A casa era minha e tinha drogas e armas lá. Eu não sou dono da boca de fumo. As meninas foram para lá por que quiseram", alegou o acusado.

Ao todo, nove pessoas foram presas, entre elas sete menores de idade. "É lamentável por que essas pessoas são o futuro do nosso país. Os pais devem ficar em alerta, ver o comportamento dos filhos e conversar bastante para evitar que isso aconteça. Todos vão ficar recolhidos. Elas vão ficar apreendidas na unidade feminina de internação", acrescentou ainda o delegado.

Fonte: FolhaES / Web Rádio Gospel

Atenção cuidado com a Escola que seus filhos são matriculados:

Vídeo de estudantes com sexo oral abala escola de Belém do Pará
Uma garota e dois rapazes usaram o vestiário da quadra de esporte para o encontro sexual


Os pais dos três jovens envolvidos em um vídeo de sexo gravado dentro de um colégio de Belém do Pará (PA) decidiram hoje (23) transferi-los de escola.

As imagens mostram uma estudante de 13 para 14 anos da 8ª série fazendo sexo oral em um rapaz de 15 da 7ª. As cenas foram gravadas em um vestiário da quadra de esportes por um colega de 16 anos do segundo ano do ensino médio.

O vídeo de 2:31 começa com o rapaz de 15 anos dizendo: "Tá gravando". Só o rosto da menina -- que usa óculos -- é exposto. O parceiro dela por duas ou três vezes tira o cabelo do rosto dela para mostrá-la, como ocorre em filmes pornôs.

Os três entraram no vestiário em um horário, 12h30, em que não havia nenhuma atividade esportiva, e a presença deles ali foi sem autorização, segundo a direção da escola. Até então os três eram considerados estudantes exemplares.

A Secretaria de Educação do Pará garantiu aos pais vagas em outras escolas. A orientação é para que cada estudante seja enviado a uma escola diferente. "SERÁ!!! SERÁ!!! SERÁ!!!"

Maria Flaviana Couto (foto), diretora da Escola Estadual Ulysses Guimarães, já tinha dito que os três não poderiam continuar lá. “Não há mais clima para eles aqui”, disse. Ela chegou a falar em expulsão, de acordo com informações da imprensa da região.
Os três estudantes já deixaram de ir aula.

As imagens se difundiram rapidamente para o celular dos estudantes pelo sistema bluetooth e logo estavam disponíveis na internet.

O clima na escola é tenso. Pais acusam a direção da escola de não vigiar os estudantes. “Se nada for feito, os estudantes vão achar que agora liberou geral”, disse um deles.

Professores afirmaram que cabe mais aos pais do que à escola dar orientação sexual aos filhos. A Secretaria de Educação informou que os alunos recebem esse tipo informação a partir da 8ª série.

As famílias dos três estudantes – principalmente a da jovem – estão constrangidas. A secretaria anunciou que os pais e os adolescentes vão ter apoio psicológico a partir da próxima semana.

Este caso soma-se a outros recentes de sexo entre estudantes que acaba sendo exposto na internet. O sexting (a transmissão de imagens de sexo ou íntimas pelo celular), que já ocorre há algum tempo em países como os Estados Unidos e Inglaterra, está se intensificando nas escolas brasileiras.

Fonte: e-paulo / Web Rádio Gospel
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

1 comentários: on "Não deixe sua filha ADOLESCENTE ir sozinha a escola."

Anonymous disse...

Essse é um problema sério de educação. Enquanto os políticos ficarem jogando um para o outro ninguém fará nada que tenha efeito.

Postar um comentário

Postagens populares