Promoção Grátis

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Ofensiva-surpresa mata 20 talebans no Afeganistão

Pelo menos 20 membros do Taleban morreram no início de uma grande ofensiva lançada na noite desta sexta-feira (12) pelas forças internacionais e afegãs em Marjah, um bastião insurgente no sul do Afeganistão, informou neste sábado (13) um comandante do Exército afegão.

Os talebans ofereciam uma "resistência mínima", indicou um porta-voz do Exército americano, que compõe a maior parte das tropas envolvidas.

Sher Mohammad Zazai, comandante do corpo Nº 205 do Exército afegão, declarou à imprensa:

- Até agora, matamos 20 combatentes da insurgência armada. Outros 11 foram presos.

A ofensiva começou antes da madrugada deste sábado, quando helicópteros enviaram soldados da infantaria americana e tropas afegãs para a cidade de Marjah, no cinturão de cultivo de papoula da província de Helmand.

O tenente Josh Diddams, porta-voz da Infantaria da Marinha dos Estados Unidos em Helmand, afirmou:

- Às 2h30, helicópteros deixaram forças mistas na cidade de Marjah. Estamos avançando em terra e encontramos uma resistência mínima.
O novo comandante das tropas estrangeiras no sul do Afeganistão, o general britânico Nick Carter, afirmou hoje que a ofensiva lançada nesta madrugada pelas forças aliadas pegou os talibãs de surpresa. Em entrevista à rede BBC, ele disse:

- Até agora, (a operação) foi extremamente bem-sucedida. Por enquanto, não houve baixas entre as forças aliadas durante os combates. Parece que os pegamos desprevenidos. Aparentemente, eles estão completamente perdidos.

As tropas internacionais, com o apoio das forças afegãs, lançaram neste sábado uma operação militar contra um reduto talibã no sul do Afeganistão. Ao todo, 15 mil soldados participam da maior ofensiva contra os rebeldes desde a queda do regime talibã, em 2001.

Em vários comunicados, a Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf), comandada pela Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), informou que 5.000 soldados americanos, um grande contingente britânico, 2.000 militares afegãos e alguns combatentes da Dinamarca, Estônia e Canadá estão envolvidos na operação.

O objetivo da investida é devolver às autoridades locais o controle sobre a localidade de Marjah e acabar com o domínio do Taleban em boa parte dos núcleos populacionais ao redor do rio Helmand, que cruza a província de mesmo nome de norte a sul.

Em Helmand é onde estão posicionadas as tropas britânicas, que já perderam 257 homens no Afeganistão. Sobre o risco de as Forças Armadas do Reino Unido perderam mais militares, o ministro da Defesa do país, Bob Ainsworth, não descartou esta hipótese.

Uma porta-voz do mesmo ministério informou que 1.200 militares britânicos foram mobilizados para a operação, um dos quais morreu na quinta-feira, na explosão de uma bomba junto a uma estrada.

Operação é a mais importante desde nova estratégia

O ataque em Marjah, em uma das principais regiões produtoras de ópio da província de Helmand, é a primeira fase de uma importante operação para restablecer o controle do governo afegão na região. O funcionário da Otan, que pediu o anonimato, declarou que "as informações de que a ofensiva já começou não são falsas".

De acordo com as forças americanas, a operação Mushtarak ("Juntos", em dari) deve ser a mais importante contra as forças talebans desde que o presidente americano, Barack Obama, anunciou uma nova estratégia para as tropas americanas no Afeganistão, e uma das ofensivas importantes desde o início da intervenção americana no país, em 2001.

Mais de 1.000 dos 80 mil habitantes de Marjah deixaram a cidade antes do início da operação. No entanto, insurgentes que entraram na cidade nos últimos dias impediram a fuga de várias pessoas.

Helicópteros da Otan lançaram panfletos sobre a cidade e arredores, onde vivem cerca de 125 mil pessoas, pedindo à população que não saia de casa após o início da ofensiva.

Além disso, a emissora de rádio local divulga mensagens informando à população que a operação das forças americanas e afegãs tem como objetivo limpar a área de insurgentes, e não quer atingir os civis.

Fonte: R7 / http://webradiogospel.com
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

0 comentários: on "Ofensiva-surpresa mata 20 talebans no Afeganistão"

Postar um comentário

Postagens populares