Promoção Grátis

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Quênia fará 1º censo de homossexuais da África

O Quênia anunciou que vai realizar o primeiro censo de homossexuais de uma nação africana, como parte dos esforços para conter o avanço da Aids no país.

O anúncio causou controvérsia, já que o homossexualismo é ilegal no país. Analistas dizem que, já que ser gay no Quênia pode acarretar em penas de até 14 anos de cadeia, é improvável que o censo colete números precisos.

Ainda assim, o chefe do programa queniano de prevenção à Aids, Nicholas Muraguri, disse à BBC que o governo precisa dialogar com a comunidade gay.

"Os quenianos não podem se dar ao luxo de dizer que a comunidade gay está isolada em um canto, eles são parte de nossas vidas", disse ele.

"Precisamos chegar a este grupo com informações e serviços para que eles saibam como se proteger de infecções."

Avanços

Muraguri reconheceu que, devido à ilegalidade do homossexualismo, a estimativa deve ser imprecisa.

Entretanto, ele acredita que qualquer indicação mais clara que a atual sobre o número de gays no país seria de grande ajuda para campanhas de prevenção da Aids.

O chefe do programa queniano de prevenção à Aids disse que, na pesquisa, existe a expectativa de que gays indiquem outros homossexuais. Seriam ainda realizados testes de HIV e distribuída informação sobre práticas sexuais seguras.

O censo deve ter início em junho do ano que vem.

Sem conhecimento

O ativista queniano dos direitos gays Peter Njoroge disse acreditar que a contagem ajudará no combate à Aids.

“A maioria na comunidade gay acha que fazer sexo com homens é seguro. Não há informações sobre práticas seguras”, disse.

Gays querem colaborar, desde que se suas identidades sejam mantidas em sigilo.

Analistas dizem que o Quênia vem fazendo progresso na luta contra a Aids.

No final da década de 90, uma em cada dez pessoas chegaram a ser portadores do vírus HIV. Atualmente, a proporção é de apenas 6%.

Fonte: BBC / Web Rádio Gospel
Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

0 comentários: on "Quênia fará 1º censo de homossexuais da África"

Postar um comentário

Postagens populares